Rádio Jornal contará com doze profissionais para a cobertura da Copa do Mundo na Rússia

Faltando seis dias para o início da Copa do Mundo da Rússia, mais uma rádio está pronta para ir para a sede da competição. A Rádio Jornal FM 90.3 AM 780 do Recife vai contar com doze profissionais que irão fazer a cobertura e transmissão dos jogos da Copa do Mundo. Pela 11ª vez consecutiva, a emissora detém todos os direitos de transmissão do Mundial, que começa na próxima quinta-feira (14).

A equipe da Rádio Jornal conta com o narrador Aroldo Costa, o comentarista Maciel Júnior, e o repórter João Victor Amorim embarcam para a Rússia no sábado, quando vão iniciar a jornada de quase 40 dias de trabalho no Mundial. De acordo com o coordenador do Escrete de Ouro (nome dado à equipe esportiva da rádio), que ficará responsável pelas narrações dos jogos da seleção, a cobertura não será restrita à Rádio Jornal.

“Esta será uma Copa do Mundo integrada. A gente não faz mais um trabalho só para a Rádio Jornal. A gente leva o Sistema Jornal do Commercio de Comunicação (SJCC). Então, antigamente a gente dependia muito da linha telefônica para fazer a transmissão do jogo. Hoje em dia não. Com o avanço tecnológico, a gente faz uma cobertura integrada, com vídeos para a TV Jornal, com rede social para o Blog do Torcedor e para o próprio Jornal do Commercio. Com fotos, além da transmissão. Vamos fazer um trabalho integrado, municiando todos os veículos com informações”, garantiu Aroldo, que será acompanhado por Maciel Júnior.

O comentarista já fez a cobertura de outras duas edições de Copa do Mundo. Na Rússia, ele destacou que um dos desafios será trabalhar com o fuso horário, que tem 6h de diferença. “Será um desafio por causa dos programas. O Forum que eu apresento aqui, às 20h, lá será às 2h. Então temos que fazer uma produção muito bem feita antes. Mas a expectativa é muito boa, porque é a realização de um sonho. A Rússia tem uma cultura completamente diferente da nossa”, completou.

Já o repórter João Vítor Amorim é estreante em coberturas de mundiais e ficará responsável por acompanhar a seleção brasileira e fazer a cobertura de todos os passos dos comandados do técnico Tite. “Além disso, a gente vai trazer informações dos bastidores, aproximando o público do que acontece no país da Copa”, concluiu.

Com informaçõe do NE10

 

Fonte: Tudo Rádio

Exclusivo: CBN confirma estreia de FM em Belém através de parceria com a Rede Amazônica

A partir de agosto o mercado de Belém contará com uma novidade em FM. O Grupo Amazônia Cabo de Comunicação, responsável pela Rede Amazônica, deve promover a estreia da CBN FM 102.3, emissora que vai substituir a atual Jovem Pan FM 102.3 da capital paraense. Segundo informações apuradas pelo tudoradio.com, os proprietários da atual afiliada da Jovem Pan FM passaram o controle da 102.3 FM para a Rede Amazônica, grupo que tem promovido uma forte expansão da Rede CBN pela região norte do país. Acompanhe os detalhes:

Segundo informações levantadas pelo tudoradio.com, a Jovem Pan FM deverá permanecer no canal até o dia 31 de julho, quando o controle da 102.3 FM será repassado para a Rede Amazônica. A partir daí a estação entrará em modo de expectativa e formatação para a chegada da CBN, esta que ainda não tem data definida, mas a inauguração oficial está prevista para agosto. O tudoradio.com apurou que o acordo com o Sistema Globo de Rádio (responsável pela CBN) foi firmado na última sexta-feira (1).

Com Belém, a Rede Amazônica praticamente “fecha” o Norte do país, com afiliadas da CBN nos principais mercados da região, todas indicadas como “CBN Amazônia”. Entre o final de 2017 e o início deste ano o grupo implantou as afiliadas CBN FM 101.5 de Manaus (AM), CBN FM 101.9 de Porto Velho (RO), CBN FM 93.3 de Macapá (AP), CBN FM 98.1 de Rio Branco (AC), CBN FM 96.3 de Manacapuru (AM), além de controlar também as afiliadas CBN AM 720 de Itacoatiara (AM) e CBN FM 93.7 de Guajará-Mirim (RO) - veja lista completa. 

As afiliadas da rede “all-news” no Tocantins, as rádios CBN FM 101.9 de Palmas / Porto Nacional e CBN FM 106.3 de Araguaína são as únicas da região Norte que não são operadas pela Rede Amazônica (FMs no Tocantins são ligadas ao grupo Jaime Câmara, sediado em Goiânia).

A Rede Amazônica é afiliada da TV Globo nos estados de Amazonas, Amapá, Rondônia, Acre e Roraima, com a sua sede localizada em Manaus. 

Retorno da CBN ao dial FM

A CBN já teve uma breve passagem pelo dial FM de Belém, operando em 90.5 FM. Na ocasião a estação local era operada pelo Grupo Liberal, este que promoveu a estreia da Lib Music FM 90.5 (formato adulto-contemporâneo) no lugar da CBN, realocando a “all-news” para a faixa AM (900 AM) em 2011. Agora a CBN retorna ao dial FM paraense via 102.3 FM da Rede Amazônica.

Já a Jovem Pan FM gera a expectativa de um possível retorno à Belém através de outro canal. A afiliada na capital paranaense possuí uma trajetória positiva no mercado local, sendo uma das primeiras parceiras da rede Jovem Pan FM (inaugurada em agosto de 1994).

 

Fonte: Tudo Rádio

Milton Jung, da CBN, confirma presença no Congresso da ABERT em Brasília

O jornalista Milton Jung está confirmado para um painel sobre o Rádio no 28º Congresso Brasileiro de Radiodifusão, organizado pela ABERT e que será realizado no Centro de Convenções Brasil 21, em Brasília, nos dias 21 e 22 de agosto. O apresentador e âncora da rede CBN - liderada pela CBN FM 90.5 AM 780 de São Paulo e CBN FM 92.5 AM 860 do Rio de Janeiro - participará do painel “Rádio, uma mídia local e interativa. Esse é o futuro?”, ao lado de Nilson César, locutor esportivo da Rádio Jovem Pan AM 620 FM 100.9 de São Paulo. 

Milton Jung iniciou a carreira há 34 anos e passou por diversas rádios, TVs, jornais impressos e portais. Seu primeiro trabalho foi na Rádio Guaíba de Porto Alegre (RS). Chegou à CBN, em São Paulo (SP) em 1998. Ele também é autor do livro “Jornalismo de Rádio” e co-autor de “Comunicar para liderar”.

O radialista Nilson Cesar vai compartilhar com os participantes a experiência de 36 anos na Jovem Pan. Ele já cobriu oito Copas do Mundo de futebol, mais de 200 grandes prêmios de Fórmula 1 e hoje apresenta programas de esporte.

Outras referências nacionais e internacionais do setor de radiodifusão também estão com presença confirmada, como os norte-americanos Gordon Smith, presidente e CEO da NAB (National Association of Broadcasters), Jerald Fritz, vice-presidente executivo de Assuntos Legais e Estratégicos da ONE Media 3.0., e o francês Dominique Wolton, sociólogo e especialista em Ciências da Comunicação.

Mais informações sobre programação e inscrições, acesse www.28congressoabert.org.br.

De acordo com a organização do evento, resta apenas um estande disponível para empresas que querem expor seus produtos e serviços durante o 28º Congresso Brasileiro de Radiodifusão. Os estandes que divulgam cursos, produtos de mídia, comunicação e tecnologia para rádio e TV poderão ser visitados durante todo o evento.

Os interessados podem entrar em contato pelo telefone (61) 3710.1110 e (61) 9 9992.0357 ou enviar e-mail para O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo..

 

Fonte: Tudo Rádio

ACAERT divulga nova data para o Congresso Catarinense de Rádio e Televisão

A Associação Catarinense de Emissoras de Rádio e Televisão (ACAERT) divulgou as novas datas da realização do 17º Congresso Catarinense de Rádio e Televisão e do 10º Prêmio ACAERT de Rádio e TV. O evento será realizado entre os dias 2 e 4 de julho, no Hotel Infinity Blue, em Balneário Camboriú. Ontem a associação havia informado o mercado sobre a mudança na data

A programação do evento está mantida, com as Plenárias e os Workshops inalterados. As inscrições já realizadas serão automaticamente transferidas para a nova data do evento, sem qualquer prejuízo para o Congressista.  

Quem não tiver disponibilidade na nova data deve informar a ACAERT através do canal O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. para permitir o ressarcimento do valor. A ACAERT lembra, ainda, que a transferência do evento aconteceu em função da Greve dos Caminhoneiros e da consequente crise de desabastecimento. 

“Tomamos essa decisão prezando pelo respeito e bem-estar de todos e para garantir também a qualidade dos eventos que são uma marca registrada da Associação Catarinense de Emissoras de Rádio e Televisão. Agradecemos antecipadamente e contamos com a presença de todos”, informou a associação por meio de comunicado enviado à imprensa.

Fonte: Tudo Rádio

Tri FM chega a 37 anos e passa a operar a partir de nova sede em Santos

A Tri FM 105.5 de Santos completou 37 anos operando no litoral paulista. A tradicional emissora do formato popular/hits foi inaugurada no dia 10 de maio de 1981 e, desde então, operava no prédio A Tribuna, localizado na Rua João Pessoa, número 129, centro de Santos. A partir desta segunda-feira (28) a rádio passou a transmitir sua programação no atual prédio do grupo A Tribuna, que fica na mesma rua, número 350.

O primeiro coordenador artístico da rádio foi conhecido radialista Beto Rivera, responsável pela implantação do formato da rádio que já havia sido implantado anteriormente por ele em uma emissora de São Paulo. Vários programas da emissora marcaram a memória dos ouvintes como Amor a Dois, Expresso da Meia Noite e Paquera na Tri.

A Tri FM também é conhecida pela realização de promoções e eventos esportivos que são sucesso em toda a região. Entre eles está a corrida 10 KM Tri FM, uma prova que reúne milhares de atletas do Brasil e do mundo.

Nesta segunda-feira, a Tri FM passou a transmitir sua programação a partir da atual sede do Grupo A Tribuna, onde já está a TV Tribuna. O novo endereço já está sendo divulgado nas redes sociais da rádio desde sexta-feira (25).

Em janeiro passado outra emissora de Santos também teve o seu endereço alterado. A Jovem Pan FM 95.1 passou a operar a partir de uma nova estrutura, localizada no prédio mais alto da Baixada Santista.

 

Fonte: Tudo Rádio

Rádio Bandeirantes intensifica transmissão multiplataforma em Campinas

tudoradio.com noticiou em março do ano passado as mudanças na programação local da Rádio Bandeirantes AM 1170 de Campinas. A emissora estava começando a intensificar as transmissões de seus programas pelas redes sociais, principalmente no perfil oficial da emissora no Facebook, com destaque para a versão local "Os Bastidores do Poder". 

Atualmente, a rádio já conta com a transmissão de seus programas em multiplataforma, com suas atrações sendo transmitidas via dial AM, redes sociais e TV Bandeirantes de Campinas. A Rádio Bandeirantes de Campinas conta com a participação do radialista Henrique do Valle, representante da produtora norte-americana ReelWorld no Brasil.

Henrique do Valle aborda notícias internacionais, principalmente as relacionadas aos Estados Unidos. A participação do radialista era esporádica, porém tornou-se permanente, inclusive com imagens que também são transmitidas pelo Facebook.

A Rádio Bandeirantes de Campinas conta com intensa produção jornalística local, com programas informativos e transmissões esportivas das partidas do Guarani e Ponte Preta, equipes que atualmente disputam divisões inferiores do Campeonato Brasileiro de Futebol, mas são reconhecidas entre as principais marcas esportivas do cenário nacional.

 

Fonte: Tudo Rádio

AERP reagenda Encontros Regionais Oeste e Sudoeste devido à paralisação dos caminhoneiros

As diretorias da Aerp e do Sert decidiram adiar os Encontros Regionais que seriam realizados amanhã (24) em Cascavel e sexta (25) em Francisco Beltrão. Neste ano, os encontros já foram realizados em Londrina e em Maringá no final do mês de abril.

A paralisação dos caminhoneiros provoca desabastecimento de produtos e combustível em várias cidades do Estado. Além disso, há diversos trechos bloqueados nas rodovias estaduais e federais do Paraná, afetando diretamente os participantes de cidades da região assim como o deslocamento dos palestrantes e da equipe de organização.

De acordo com as informações, em breve as associações irão disponibilizar novas datas para as reuniões nas duas cidades. As reuniões em Londrina e Maringá contaram com grande número de participantes.

A AERP, com sede em Curitiba, reúne mais de 320 emissoras de rádio e TV de todo o Paraná. Em conjunto com o SERT-PR, que representa 371 empresas deste segmento, promove eventos que integram e qualificam os profissionais em relação às tendências e novas tecnologias da radiodifusão. As entidades são, hoje, referência nacional para o setor.

 

Fonte: Tudo Radio

Evento gratuito na UFRGS debate atualidade do Rádio em Porto Alegre

O Núcleo de Estudos de Rádio da UFRGS (NER) promove nesta quinta-feira (24) um seminário aberto à comunidade para debater a produção de conteúdo, a pesquisa universitária e as tendências do meio. Vários professores da área de Rádio de diversas universidades e faculdades estarão debatendo o assunto, entre eles, Luiz Artur Ferrareto e Fernando Morgado. O evento já conta com inscrições encerradas e deverá receber grande número de participantes.

O seminário Rádio 2018 Mídia do Futuro acontece das 8h30 às 12h30 no auditório 2 da Faculdade de Biblioteconomia e Comunicação, Ramiro Barcelos, 2705, em Porto Alegre. Da mesa Mercado e pesquisa acadêmica: pontes para o presente, que abre o seminário, participam os professores Fernando Morgado, das Faculdades Integradas Hélio Alonso (Facha), do Rio de Janeiro, abordando as perspectivas do rádio no atual cenário de indefinições; Dóris Fagundes Haussen, da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS), falando sobre a história da pesquisa aca-dêmica em rádio no Brasil; e Luiz Artur Ferraretto, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), tratando das possibilidades de pesquisa em termos de temas, metodologias e bases teóricas e conceituais. 

A segunda parte do evento, Produção de conteúdos e tendências: pontes para o futuro, traz pesquisas em desenvolvimento pelo NER: Cobertura eleitoral em um rádio multiplataforma, com Marizandra Rutilli, da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) e da Universidade Regional do Noroeste do Rio Grande do Sul (Unijuí); Cobertura esportiva no cenário da convergência, com Carlos Guimarães, da Rádio Guaíba; Reportagem em rádio – O ao vivo como saída, com Léo Saballa Jr., da RBS TV e UFRGS; e O vídeo como extensão do conteúdo radiofônico, com Andrei dos Santos Rossetto, do SBT.

O NER é um grupo de pesquisa criado em 2016 e voltado à pesquisa da história, da programação e dos modelos de negócio das emissoras comerciais. Certificado pela UFRGS junto ao Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), reúne pesquisadores e profissionais de rádio. O NER pode ser contatado pelo e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo..

PROGRAMAÇÃO

RÁDIO 2018 MÍDIA DO FUTURO – CONTEÚDO, PESQUISA E TENDÊNCIA
Data: 24 de maio de 2018 (quinta-feira) 
Auditório 2 – Faculdade de Biblioteconomia e Comunicação
Ramiro Barcelos, 2705 – Porto Alegre – RS

8h30-10h15
Mesa 1 – Mercado e pesquisa acadêmica: pontes para o presente
Perspectivas do meio rádio em um cenário de indefinições
Fernando Morgado (Facha)

História da pesquisa em rádio no Brasil
Dóris Fagundes Haussen (PUCRS)

Como e o que pesquisar em rádio
Luiz Artur Ferraretto (UFRGS)

10h15-10h30
Intervalo

10h30-12h30
Mesa 2 – Produção de conteúdos e tendências: pontes para o futuro
Cobertura eleitoral em um rádio multiplataforma
Marizanda Rutilli (Unijuí/ UFSM)

Cobertura esportiva no cenário da convergência
Carlos Guimarães (Guaíba/ UFRGS)

Reportagem em rádio – O ao vivo como saída
Léo Saballa Jr. (RBS TV/ UFRGS)

O vídeo como extensão do conteúdo radiofônico
Andrei dos Santos Rossetto (SBT/ UFRGS)

 

 

Fonte: Tudo rádio

Capital 95 lança nova programação em Campo Grande

A Capital 95 FM 95.9 de Campo Grande está com novidades para seus ouvintes. A rádio está lançando nesta sexta-feira (18) a sua nova programação para 2018. A emissora contará com novas vinhetas, além de programas e quadros que entrarão na grade de programação da rádio. Toda a produção é da produtora Dário Produções.

A Capital 95 teve sua plástica totalmente formulada. A “quinta geração” da Capital 95 atualizou as vinhetas cantadas, a rádio está com nova identificação sonora, aberturas e vinhetas de todos os programas, além de mudar todas as trilhas.

Além da plástica, a Capital 95 também está como novos programas. A partir das 15h, a rádio terá o programa Eu Curto, com enquetes e participações de ouvintes pelas redes sociais da rádio. 

Às 17h30, começa o programa Paixão Nacional Vai Brasil. A atração é voltada ao esporte em uma edição especial com informações do maior evento esportivo do ano, a Copa do Mundo na Rússia.

A grade da Capital 95 também terá novos quadros. A rádio terá estreia do Vida on Line, com informações e curiosidades do mundo da tecnologia; o Game Rede Musical; o Informativo Capital 95 Vai Brasil, com as últimas notícias da Seleção Brasileira de futebol e a análise política com o jornalista Alexandre Garcia.

“A idéia é reciclar tudo, vinhetas e trilhas, porque como a Capital 95 é muito ouvida, tivemos a preocupação de o ouvinte não cansar da rádio, claro que o que tem de melhor como programas e as principais características da Capital 95 foram preservadas. Afinal de contas, estamos em primeiro lugar há 4 anos" afirma Gilson Dário, coordenador artístico do Grupo Capital de Comunicação.

 

Fonte: Tudo Radio

Rádios divulgam campanha contra a homofobia nesta quinta-feira (17)

No Rio de Janeiro, a SulAmérica Paradiso FM 95.7 e a Mix FM 102.1 postaram imagem em suas redes sociais lembrando que a opção é de cada um e que a homofobia é crime. Houve também a lembrança da data durante a programação das emissoras, que são controladas pelo Grupo Dial Brasil.

Na capital paulista, além da Jovem Pan, a 89 A Rádio Rock FM 89.1 de São Paulo fez uma postagem lembrando o dia Internacional de Combate à Homofobia. Fora do eixo Rio-São Paulo, a Líder 95 FM 95.3 de Rio Verde (GO) também publicou uma campanha em suas redes sobre o assunto.

Há 28 anos, no dia 17 de maio de 1990, a OMS (Organização Mundial da Saúde) retirou a homossexualidade da lista de distúrbios mentais da CID (Classificação Internacional de Doenças). A decisão reconheceu que a orientação sexual não pode ser considerada doença, por se tratar de traço da personalidade do indivíduo. A mudança marcou uma vitória para a movimento LGBT e a data foi escolhida como dia internacional de combate ao preconceito e à violência contra gays, lésbicas, bissexuais e transgêneros.

 

Fonte: Tudo Rádio

Assine nossa Newsletter