2018-Fenaert-Banner

NOTA DE PESAR - Gugu Liberato

A Federação Nacional das Empresas de Rádio e TV (Fenaert) manifesta seu pesar pela morte do apresentador de televisão Augusto Liberato, conhecido pelo público como Gugu Liberato. “Certamente é uma grande perda para a comunicação brasileira e é lamentável que nos deixe tão cedo”, destaca o presidente da Fenaert, Guliver Leão.

Gugu começou na televisão aos quatorze anos, como assistente de produção do programa Domingo no Parque, apresentado por Silvio Santos no SBT. Considerado um dos apresentadores mais consagrados da televisão brasileira, comandou grandes sucessos, como Viva a Noite, Sabadão Sertanejo e Domingo Legal, no SBT. Após a saída da emissora, apresentou programas na TV Record e recentemente estava no ar com o reality show Power Couple Brasil e o talent show Canta Comigo, ambos na Record TV.

Anatel lança ferramenta para usuário fazer queixas sobre serviços de telecomunicações

Com o propósito de se aproximar do usuário dos serviços de telecomunicações, a Anatel lançou, nesta terça-feira, 19, o sistema Anatel Consumidor, uma ferramenta em que o usuário poderá interagir com a agência diretamente no site do órgão regulador para fazer queixas sobre os serviços. Com um formato interativo, a solução leva a reclamação diretamente à prestadora, que passa a ter o prazo de 10 dias para responder ao cliente.

A superintendente de Relações com os Consumidores da Anatel, Elisa Leonel, informou que em média a agência registra 3 milhões de reclamações por ano. "Trata-se de um volume 6 vezes maior do que as 500 mil reclamações anuais que são registradas nos Procons do país", afirmou. A superintendente também reconheceu que até então a relação com o usuário tem sido deficitária. "Tínhamos um sistema defasado em termos de experiência do usuário e mesmo de capacidade operacional. Adotamos uma interface simplificada, com cadastro único e sistema de resolução. E no final o usuário dará nota de 1 a 5 sobre o atendimento, que será divulgada como avaliação de desempenho das operadoras", afirmou.

Para utilizar o novo aplicativo no site da agência, o usuário deve fazer um cadastro, mesmo que já tenha passado as informações para utilizar o sistema anterior. A etapa seguinte é explicar a reclamação, que será endereçada à operadora. Ao final, o usuário poderá indicar o grau de satisfação com a resposta, por meio de nota.

Fonte: Tela Viva

Tendências | Levantamento aponta que Brasil já é o segundo mercado em consumo de podcast no mundo

Pode não parecer, mas o Brasil já é o segundo maior mercado de consumo de podcasts no mundo. A afirmação é baseada no levantamento feito pela plataforma Podcast Stats Soundbites e foi repercutida por portais de fora, como o ZDNet. O país fica atrás apenas dos Estados Unidos e, segundo o artigo apontado pelo portal, grandes empresas que fazem suas apostas no formato, como o Google, esperam que mercados não ingleses, como Brasil e Índia, cresçam exponencialmente nos próximos anos.

Pensando nisso, há um esforço de várias plataformas para realizarem investimentos voltados ao Brasil na área de áudio. Segundo um artigo da ZDNet, os números de consumo mensal de podcast no Spotify crescem, em média, 21% no Brasil, isso desde janeiro de 2018, segundo o próprio serviço de streaming. No mundo, o público de podcasts da empresa, que hospeda mais de 500.000 programas, aumentou 39%.

O movimento é tão grande que, em no início deste mês, o Spotify realizou um evento totalmente focado em podcasts em São Paulo. O Spotify for Podcasters Summit, ocorrido na Cinemateca Brasileira, contou com painéis, palestras e workshops com nomes importantes do mercado, que mostraram a amplitude da produção, criação e monetização de podcasts, entre outros temas.

Outra plataforma de streaming de áudio que teve crescimento expressivo no Brasil foi o Deezer, com um aumento de 40% no consumo do formato entre os usuários brasileiros em 2018.

Também chama a atenção o movimento de plataformas que nunca atuaram no Brasil. Caso já noticiado do iHeartRadio, da gigante de rádios iHeartMedia (Estados Unidos). A partir de 2020 a plataforma de podcasts do grupo contará com vários episódios em português.

De acordo com a Associação Brasileira de Podcasters, cada vez mais o formato é visto como um importante canal de mídia para empresas, onde 79% dos ouvintes de podcast o fazem enquanto viajam no trabalho, enquanto 68% o ouvem enquanto realizam tarefas domésticas. O consumo médio de podcast no Brasil é de cerca de 2 horas e 52 minutos.

Durante o evento "A força do Rádio e as novas tecnologias", realizado na última quarta-feira (13) em São Paulo pela APP Brasil (e retransmitido pelo tudoradio.com - veja aqui), os podcasts foram destacados como uma oportunidade de ampliação do consumo de áudio e de rádio no Brasil. E mais: segundo Francisco Custódio (Agência África), não há uma tendência do podcast retirar receita do meio rádio, ou seja, a ferramenta pode ser utilizada como um complemento considerável para ampliar audiência e agregar faturamento para as emissoras.

Há uma série de investimentos voltados aos podcasts em diferentes rádios brasileiras. Os conteúdos das principais emissoras estão sendo adaptados neste formato, distribuídos por agregadores e pelas plataformas próprias das rádios brasileiras. E a tendência é de uma expansão ainda maior do consumo, já que as smart-speakers estão chegando apenas agora no Brasil.

Fonte: TudoRádio, com informações do portal ZDNet, Podcast Stats Soundbites e PropMark

Rede da Clube FM de Brasília estreia nesta segunda-feira (18) com 15 afiliadas

A rede de rádios liderada pela Clube FM 105.5 de Brasília estreia nesta segunda-feira (18), a partir das 8h (horário de Brasília, sendo 07h nas afiliadas da região norte). A nova rede já nasce contando com 15 emissoras, sendo que também tem outras rádios que estão negociando a afiliação ou esperando o término de contratos para poder fazer a integração à rede.

A rede da Clube FM estreia hoje em 15 cidades. A rede se inicia operando nas cidades de Buritis (MG), Taiobeiras (MG), Turmalina (MG), Fervedouro (MG), Palotina (PR), São Miguel do Guaporé (RO), São Francisco do Guaporé (RO), Colorado do Oeste (RO), Erechim (RS), Panambi (RS), Lagoa dos Três Cantos (RS), Ciríaco (RS), Putinga (RS), São Domingos (RS) e Santa Fé do Sul (SP). Ariquemes (RO), indicada como uma das FMs que iriam estrear hoje, ainda segue como Transamérica Hits.

A estreia da rede também marcará outras novidades. As emissoras contarão com nova plástica para a execução do projeto que foi anunciado em agosto. Além disso, haverá uma série de promoções e um novo aplicativo para a interação das emissoras da rede com seus ouvintes.

O app já estava funcionando em uma versão de teste, porém, a final será publicada e atualizada hoje. A plataforma digital da rede também conta com um site, este que já está no ar e o internauta pode escolher a cidade que quer acessar.

Programação

A rede da Clube FM contará com geração de programação 24 horas, caso o afiliado opte por operar 100% em conjunto com a rádio brasiliense. Porém, várias faixas locais serão destinadas, sendo obrigatório apenas a operação em rede entre 08h00 e 10h00, 12h00 e 15h00 e 18h00 e 20h00.

A rede inicia sua grade às 8h com o programa Clube do Fã. A atração é apresentada por Arthur, Luciana, Queijinho e Flanela. A atração segue até às 10h. Em seguida, das 12h às 15h, a grade conta com os programas Amor Sem Fim e Tarde Demais, com Gaby. Das 18h às 20h o Happy Hour é apresentado por Rafinha.

Os afiliados da Rede Clube FM terão à disposição toda a estrutura da emissora brasiliense, assim como seus projetos e marcas. A emissora conta com parcerias com artistas, departamento direcionado apenas para a rede, capacitação de equipes, orientação e manual de procedimentos, operação automatizada, entre outros pontos, estão entre as facilidades oferecidas aos afiliados.

Assine nossa Newsletter